terça-feira, 9 de agosto de 2011

Ramagem

Estou no sertão Paraibano produzindo um evento de artes visuais. Estou cansada e pouquinha. Seca. Esturricada.
E foi por aqui, onde estou há quase quinze dias que levei o fora mais original da minha vida.
- Não, não vou te beijar porque eu posso me envolver com você...
Vontade de dizer: -E, quem disse que?
Mas sabe como é, né? Eu sou uma covarde. E estava bêbada.
Eu sou uma mulher madura, mentira, uma menina ridícula... e isso é só mais uma das coisas que envolvem tomar a iniciativa, em ser tanto de tantas, tento me convencer.
Nada.
É que hoje eu me sinto tão só, tão só, que nem enchendo-me de palavras, as minhas e as alheias, o oco passa. E eu quero sim, ceder... ser menos para ser mais que uma só...

Então folheio Clarice para não sair correndo das minhas decisões e me enfiar me qualquer forma que me ofereçam:

"Estremeço de prazer por entre a novidade de usar palavras que formam intenso matagal. Luto por conquistar mais profundamente a minha liberdade de sensações e pensamentos, sem nenhum sentido utilitário: sou sozinha, eu e minha liberdade.
É tamanha a liberdade que pode escandalizar um primitivo, mas sei que não te escandalizas com a plenitude que consigo e que é sem fronteiras perceptíveis.
Esta minha capacidade de viver o que é redondo e amplo - cerco-me por plantas carnívoras e animais legendários, tudo banhado pela tosca e esquerda luz de um sexo mítico.
Vou adiante de modo intuitivo e sem procurar uma idéia: sou orgânica. E não me indago sobre os meus motivos. Mergulho na quase dor de uma intensa alegria – e para me enfeitar nascem entre os meus cabelos folhas e ramagens"...

...

5 comentários:

Luciana Nepomuceno disse...

Menina, como o blog está lindo...

E eu juro que eu não entendi a do cara, mas, né, toda minha bat-habilidade parece que foi perdida mesmo, não sou mais confiável, não estou sabendo peneirar nem pra mim
:-(

Menina no Sotão disse...

Primeiro: adorei o blog.
Segundo: cada louco com as suas manias loucas.

Eu heim, me envolver...
aff

bacio

Ricardo Chicuta. disse...

Olha só,e eu sempre ouvi falar que os nordestinos não enjeitam mulher.
Tem certeza que o cara não era Gaúcho?

Caso me esqueçam disse...

aaah... essas historinhas encantadas assim me lembram da minha orientadora: "luciana, vou te dar um oito apesar de achar que voce merece mais. porque se eu der mais, vai ficar muito na cara, neh, ja que sou sua orientadora".

soh rindo, viu...

Leonardo Xavier disse...

É S. há vezes que não simplesmente não acontece.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...