quarta-feira, 18 de agosto de 2010

Detalhes

Não sei onde lí, mas sei que. Um post sobre coisas que ninguém sabia sobre aquela que escrevia. Na época pensei no porque de alguém se interessar por esses detalhes.

Aí conheci a Borboleta, amor da minha vida, comecei a “namorar” o Fred (que já me abandonou), me encantei com ele e ela e ela, rí muito com esse aqui. E tantos outros e outras que tem lugar garantido no meu coração e na minha vida. No final das contas, é como se um círculo pequeno, porém fiel de amigos queridos tivesse se formado. Mas apesar do carinho que sinto, é gente que não convive comigo, não sabe de mim nem eu sei deles além do que escrevemos. É muito? É pouco? Não sei dizer...

Mas enfim, este post é para vocês. Pequenas coisas que gostaria de contar e que gostaria (também não sei bem porque) de saber.

- Eu já tive um bar.

- Nunca aceito panfletos na rua. Nunca.

- Sou filha única.

- Só pinto as unhas de vermelho. E as rôo.

- Odeio filme de terror. Tapo os olhos em cenas de violência e sinto junto quando vejo alguém passando ridículo na TV.

- Nos últimos dois meses só liguei a televisão duas vezes.

- Cozinho bem, sei costurar e faço crochê. Enfim, sou uma mulher prendada.

- Quando eu estou ficando bêbada começo a jogar o cabelo de uma lado para outro.

- Jogo sinuca muito mal. Mas jogo sempre que posso.

- Fumo muito. Hollywood, o sucesso. Baixaria, eu sei. Desde os quinze anos.

- Teve uma época em que eu só usava roupas escuras.

- Já tive cinqüenta e seis quilos, já tive setenta e seis quilos.

- Tenho cinco tatuagens, uma delas bem grande nas costas.

- Todos os cachorros que já tive eram batizados com nomes de pintores famosos.

- Tenho mania de arrumar as coisas que ficam em cima da mesa de bar de forma milimetricamente equilibrada, sou quase uma bebum obsessiva- compulsiva.

- Escrevo também num blog erótico.

- Não gosto de forró, música sertaneja nem pagode.

- Eu danço de olhos fechados.

- Eu já cursei Letras e Turismo e abandonei ambos.

- Fui gerente de vendas durante muitos anos da minha vida. E só andava de salto alto.

- Eu fui uma criança tímida. E uma pré-adolescente viciada em romances de banca de revista.

Bom, é isso. Acho que basta. E vocês, o que me contam?

E a música é essa.

8 comentários:

Rafa disse...

Eu nunca pego panfletos. Nunca. Também não vejo tv. Adoro cachaça e Nina Simone. Tenho 32 anos e há quatro estou refazendo radicalmente a minha vida. Eu desisti de namorar, pelo menos por enquanto, talvez por uma década. Bj

Belos e Malvados disse...

Os bichos daqui de casa sempre tiveram nome de gente também. Frida Kahlo Cerqueira, Rufus Wainwright Cerqueira, Mayakovsky Cerqueira, por ai vai. Não sei cozinhar, passar, bordar, dançar, dirigir, nadar. Meu primeiro marido é quem fazia as bainhas de minhas roupas e pregava os botões. Hoje pago prá alguém fazer. Nem sei como cheguei inteira até aqui sendo tão inábil com as coisas da vida prática.
Não fumo, já bebi, ainda vou fazer uma tatuagem, tenho uma atração incontrolável por tudo que foge dos padrões (talvez por ter sido certinha demais a vida toda) e a timidez da infância me acompanha até hoje. Sou do tipo de travar e pagar mico. Sei lá, trezentas e cinquenta mil outras coisas.

Mônica Wesley disse...

- Eu tbm danço de olhos fechados.=P
- Não gosto de forró, música sertaneja, pagode, funk e axé, mas depois de 3 tequilas, danço tudo e misteriosamente sei cantar todas as músicas. O_O

Não sou NADA prendada, mas tô tentando.

=***

Borboletas nos Olhos disse...

Manual da Borboleta: http://borboletasnosolhos.blogspot.com/2010/08/essa-boneca-tem-manual-ou-borboleta.html

Mas uns detalhezinhos bestas: nunca, nunca baixo filmes ou seriados pela internet; não paro em fila dupla; sou totalmente desajeitada, sou ainda mais desengonçada dançando; já tive cabelos longos e cacheados mas eles se revoltaram e ficaram lisinhos; amo televisão e abençôo quem inventou Warner, AXN, Sony e Universal; não fico bêbada com cerveja; fico bêbada com cachaça; tenho 35 anos e adoro namorar, fui feitinha pra ser par; sou bacharel em psicologia; nunca tive bichos e não pretendo ter nenhum; durmo tipo a Marilyn só que com perfume mais barato; sou maníaca por Mpb; café...valha, não paro nunca de falar de mim.

Fred Caju disse...

Eu não te abandonei. O meu tempo livre me abandonou. Conto que sempre conto pouco sobre mim.

Leonardo Xavier disse...

Eu tenho cerca de 1,85m e peso uns 100kg, o que me talvez tenha feito minha vida de nerd no colegial ser menos sofrida.

Eu sou formado em Engenharia Química e atualmente faço meu mestrado na mesma área. No entanto durante certo tempo eu cheguei a cursar Engenharia de telecomunicações ao mesmo tempo. Eu já fiquei tentando a virar Físico Teórico e cheguei a fazer iniciação científica no Departamento de Física modelando neurônios (eu acho que eu já falei que era nerd).

Eu acho que sou um dos poucos engenheiros que eu conheço que gostam de literatura. Eu acho Fernando Pessoa o melhor escritor de todos os tempos. E se eu pudesse me definir por um poema provavelmente seria a parte I de Barrow-on-Furness

Eu fico fascinado com a genialidade usada para construir coisas simples como o zíper.

Eu já tentei aprender a tocar guitarra de maneira não muito bem-sucedida...

E a pessoa que mais tem me inspirado nos últimos meses é o Buckminster Fuller.

S. é primeira pessoa que se diz encantada por mim, kkkk! E na verdade eu que me encanto pelo modo como ela consegue ser tão livre.

Ricardo Chicuta. disse...

Fiquei foi feliz em saber que te faço rir e ainda tenho um pedaço do teu coração.

Angélica disse...

Nao existo mais no outro agora sou essa aqui. beijo goxtosa.
Ah, nao conto nada que vc ja sabe de tudo.. Nao.. teve uma vez que eu ia fugindo com um circo :P

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...