segunda-feira, 28 de março de 2011

Ponto alto

Pois é. Tudo um dia acaba.
A porra do anti-depressivo me tirou mesmo o tesão.
Sério, muito... muito sério...
Cheguei ao ponto de reler a casa dos budas ditosos para testar-me e oh! só me excitei (e metaforicamente) com a técnica literária do Ubaldo. Neguei um convite fofinho (muito educadamente, claro!) de dividir a cama com um adorável casal. Não olhei para os moços bonitos do show na sexta e me flagrei saindo com minhas calçolas mais velhas por estes dias.
Comprarei uma cadeira de balanço e me entregarei de vez ao chochê. Mas feliz, saltitante e rindo sabiamente em comunhão com os poderes da santa alopatia pesada.
E afinal de contas, me respondam do fundo de seus corações, quem precisa de sexo quando se pode ter uma bolsa em ponto alto?

5 comentários:

Marcantonio disse...

Vá se entender esses efeitos colaterais. Pensei que a depressão é que causava isso, e que o "anti" seria o antídoto. Agora entendo a simbologia da tarja preta...

Beijo.

Borboletas nos Olhos disse...

quem precisa? o/

Mas eu acho que o problema estava nos convies (enhum deles me pareceu verdadeiramente "apetitoso")

Leonardo Xavier disse...

S., você me perdoa? Mas eu contínuo sem conseguir te imaginar fazendo crochê, kkkk!

Agora eu honestamente, procuraria conversar com o médico sobre esses problemas aí.

beijos e se cuida

Rafa disse...

Nossa... vida sem sexo existe? (rs)

Que bom que você está melhor, mas não seria bom conversar com o doctor pra dar um jeito nisso aí?

Bj

S. disse...

efeitos colaterais passageiros, disse-me o doctor...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...